Escolha uma Página
E se Chover no Dia do Casamento?

E se Chover no Dia do Casamento?

Para os que pretendem se casar ao ar livre, é importante ter um plano B em caso de chuva, principalmente para a cerimônia e a festa.

Principalmente se é um casamento na praia.

Escolher um espaço para seu casamento como o Espaço Âncora que, alem de estar de frente para um mar deslumbrante, possui salão coberto para receber seus convidados é essencial e pode lhe poupar muitos constrangimentos.

Mas resolvida essa questão como ficam as fotos?

Logo, mesmo com a chuva, vamos ver que dá para montar fotos incríveis.

Confira a seguir.

Dicas para fotos com chuva

Em tempos de chuva, os noivos precisam ter cuidado para que os convidados não se molhem. É necessário ter uma tenda de reserva, para cobrir caso venha a chover.

Logo, com relação as fotos, vamos mostrar que mesmo em um dia chuvoso, elas podem ficar deslumbrantes e inesquecíveis.

A chuva acaba se tornando aliada do fotógrafo.

Nunca é demais lembrar que, para quem vai casar ao ar livre, tudo pode acontecer, é normal ficar chateado.

Mas você sempre deve ser prudente em tudo o que for fazer na vida. E mais ainda com sua festa de casamento e seus convidados.

E por isso, para que a chuva não te aborreça, você precisa criar inspirações inusitadas, e as fotos podem ser o melhor remédio, para tornar esse momento ainda mais atraente.

Uma boa foto, pode surgir de um pingo de água caindo sobre uma flor, ou até mesmo um nevoeiro pode ser ideal para uma foto com os noivos.

Veja algumas dicas para você pedir ao seu fotógrafo, caso aconteça de cair uma chuva no dia do seu casamento.

Os guarda-chuvas também podem ser bastante decorativos nas fotos, como nas dicas que vamos ver.

1 – Decorar com Guarda-chuvas coloridos

O fotógrafo deve utilizar o guarda-chuva colorido como um amarelo ou vermelho, estes realmente dão um toque impressionante nas fotos.

2 – Com Guarda-chuvas transparentes

Os transparentes permitem brincadeiras interessantes com as fotos, ainda mais se  houver neblina ou uma orquídea por perto.

Fotografia de casamento na chuva

3 – Aproveitar reflexo nas poças

Deixa a foto com cara de antiga, dando um toque mais retrô, em dias de chuva, esse tipo de foto é muito comum.

4 – Utilizar vidro embaçado

Não importa  o ambiente, se é do carro, da janela, ou mesmo de alguma porta. Fazer uso de vidro embaçado em foto, fica realmente deslumbrante.

5 – Aproveite a luz para dar efeito especial

Seja com a  lanterna de carro, ou até a luz de poste, e porque não com o flash da câmera? O fotógrafo, certamente irá saber combinar os itens que tem em sua volta, para tirar uma boa foto.

Fotografia casamento na chuva
Chuva no Casamento no Campo ao Ar livre

6 – Com as Galochas

Em dias de chuva, infelizmente não há como escapar delas, certo? Por isso, você precisa aproveitar todos os acessórios relacionados à chuva, e a galocha é um item especial.

7 – Tire fotos com Padrinhos e Convidados

Faça montagens com os padrinhos e convidados também, utilize tudo, os vidros, as luzes, os guarda-chuvas, tudo o que for possível para deixar a foto única.

Fotografia de casamento na chuva
Fotografia de casamento com os padrinhos e madrinhas na chuva

Tenha sempre um plano B

Já sabemos que a chuva sempre foi e sempre será um fenômeno da natureza.

E se não podemos escapar dos compromissos por causa dela, então devemos aproveitar para ter fotos ótimas e eternas.

Um plano B é sempre bem-vindo em dias de chuva.

Como fazer a lista de convidados para o casamento

Como fazer a lista de convidados para o casamento

Organizar um casamento requer muita atenção aos detalhes, mas se tem algo que tira o sono dos noivos é com relação a quem devem convidar.

O sonho da maioria dos casais é ter uma cerimônia e festa repleta de gente.

No entanto, esse é um momento especial e íntimo e por isso é preciso escolher bem que estará presente.

Familiares, amigos mais próximos, ex-namorados, amigos dos pais. Essas são apenas algumas opções de convidados que os noivos possuem.

O importante é que essa tomada de decisão seja feita em conjunto e priorizar as pessoas que o casal faz questão de sua presença.

Quem não convidar

Sempre tem algum parente que os noivos não possuem qualquer tipo de contato ou o mínimo possível. Nesse caso, o casal pode optar por não convidar.

Os colegas de trabalho também são uma verdadeira dor de cabeça.

Afinal, ninguém deseja ter um climão chato nesse ambiente simplesmente porque optou por não convidar alguém.

Não é deselegante convidar alguns e outros não.

Nesse caso, somente quem é do convívio, que pertence ao círculo de convívio é que deve ser chamado.

Os colegas e chefes imediatos com quem tem uma vida fora do ambiente de trabalho podem sim ser convidados.

Essa mesma regra também pode ser utilizada para colegas de universidade e vizinhos.

A obrigação somente é maior quando há um nível de entrosamento, companheirismo e cumplicidade entre o casal e os demais.

Os amigos dos pais também são um problema e uma dúvida no casal que está para se casar.

O ideal é explicar aos pais que o orçamento é apertado e que não terão condições de convidar a todos.

Filtrar ao máximo esses amigos pode ser uma solução muito boa.

Pessoas de relacionamentos antigos também podem ficar na lista dos excluídos do convite de casamento desde que não se tenha filhos com ele.

Amigos virtuais, pessoas que conhecem que apenas dizem “bom dia”, colegas que há anos não se fala. Todas podem ficar de fora desse momento.

Quem convidar para meu casamento?

A lista de convidados para o casamento fica mais fácil preparar quando se sabe quem não se deve convidar.

Agora que essa primeira seleção foi feita é preciso pensar nas pessoas que estão mais próximas, que realmente fazem parte do convívio dos noivos.

Entre os familiares não podem faltar os mais próximos que são os pais, mães, irmãos, filhos de outro relacionamento, por exemplo.

Quando a família é maior e tem um contato mais próximo com avós, tios, primos, sobrinhos podem ser convidados.

Os amigos de infância, da faculdade e até do trabalho que são bem próximos.

Aqueles com quem se diverte, conversa sobre tudo e sempre mantém contato.

O ato de convidar essas pessoas pode ser feito sem nenhum peso no coração ou dúvida.

Convidar alguém para fazer parte de um momento tão importante quanto o casamento não é uma tarefa simples.

É preciso levar em consideração o convívio que os noivos possuem com cada um deles.

Isso vale até mesmo para familiares, vizinhos e colegas de trabalho.

Músicas Para Casamento na Praia

Músicas Para Casamento na Praia

O casamento é o matrimônio mais importante da humanidade, sempre será um momento inesquecível para os casais. Uma ocasião tão especial precisa de músicas, de preferência que combine com o momento, afinal, música é sentimento.

Todo mundo tem músicas para datas especiais, pois elas marcam fases de nossa vida, é por isso que separamos as melhores Músicas Para Casamento na Praia.

Essa playlist é principalmente para quem sempre sonhou em se casar na areia do mar, que é o lugar com a melhor vibe para se firmar um relacionamento.

Música tem muito a ver com o lugar e momento, então é preciso saber escolher muito bem as músicas ideais.

Casamento na praia tem uma energia diferente, durante o casamento, geralmente se utiliza músicas mais calmas, mas não confundam essa definição de calma com os instrumentais que geralmente são utilizados em matrimônios religiosos.

Em um casamento na praia é sempre bom utilizar músicas com peso mais leve como MPB ou um POP um pouco lento.

Como foi dito no começo do parágrafo anterior, a música deve está de acordo com o lugar e momento, a música para representar o momento é a mais especial para o casal.

Eu recomendo que na hora da dança do casal, utilize uma trilha sonora que remete um momento especial na vida dos dois, assim esse momento vai se tornar ainda mais marcante.

Entrada dos padrinhos

Para quem ainda está muito em dúvida sobre as trilhas sonoras que vão utilizar no casamento, preparamos uma playlist com músicas para cada acontecimento.

A entrada dos padrinhos é um ótimo momento do casamento, nessa hora entram as pessoas que você escolheu para estar participando diretamente de um dos momentos mais felizes de sua vida.

Wave – Tom Jobim

Tom Jobim é um dos maiores nomes da música popular brasileira e a sua música Wave é ideal para a abertura da cerimônia, que ocorre com a entrada dos padrinhos.

Essa música é perfeita para casamento na praia, já que na maioria dos versos ele sempre está citando o lugar.

Outras músicas que podem ser interessantes para esse momento é Endless Love, que ficou marcada na voz de Lionel Richie e Make You Feel My Love de Adele.

Entrada dos pais

A entrada dos pais também é um momento que requer uma música especial, eles são as pessoas mais importante da vida dos noivos, então é necessária uma ótima trilha sonora.

Daughter – John Mayer

John Mayer é um dos maiores nomes da música dos Estados Unidos e essa é uma das melhores músicas dele.

Outra canção para esse momento é I LL Be There de Mariah Carey.

Entrada do noivo

Your Song – Elton John

O noivo é um dos personagens principais dessa noite, por isso a música deve estar de acordo, a que indicamos para esse momento é Your Song de Elton John.

Outras canções para esse momento é Pétala, escrita e popular na voz de Djavan e “pensando em você” de Paulo Moska.

Entrada da noiva

A Thousand Years – Christina Perri

Essa é o momento mais deslumbrante do casamento, então precisa ter a trilha sonora mais impactante, recomendamos a música “ A Thousand Years” de Perri. Essa canção é muito especial.

Se você preferir algo mais tradicional pode usar também o instrumental “Marcha Nupcial”, uma das tradições do casamento.


Como acertar na contratação do Buffet Do Casamento

Como acertar na contratação do Buffet Do Casamento

Dicas essências para você acertar na hora de escolher o Buffet

O buffet de casamento é tão importante quanto à cerimônia, por isso devemos escolher qual o melhor buffet e o estilo de festa que mais combina com os noivos. Abaixo iremos citar alguns estilos de festa para você se inspirar.

Quais os tipos de buffet ideais para um casamento?

Buffet Franco-Americano

Como acertar na contratação do Buffet Do Casamento 1
Buffet Franco Americano

Este estilo de Buffet, é um serviço muito utilizado por especialistas em festas de casamento, se você é adepto ao dinamismo, esta opção pode ser útil para você e seus convidados.

A princípio, os  pratos quentes devem ser servidos com o auxílio de rechauds, nada mais é do que uma equipe especializada, treinada para servir exclusivamente a cada convidado, ou seja, o cliente escolhe o prato a seu gosto.

Coloca-se as sobremesas do mesmo modo que os pratos quentes, deixando o buffet mais prático.

Jantar Volante ou Menu Degustação

Buffet Jantar Volante
Jantar Volante

O menu degustação é o mais tradicional,  neste modelo o garçom deve movimentar-se pelo salão, e assim oferecer aos convidados as opções de:

●     Canapés;

●     Saladas;

●     Entradas;

●     Pratos quentes;

●     Sobremesas;

Este é um formato em que não há necessidade de  contemplar mesas, somente é necessário lounges e mesas bistrôs que são úteis para apoiar, as opções escolhidas devem seguir o  estilo de finger food, ou seja, com este estilo podemos comer com apenas um único talher, e assim não há necessidade de realizar cortes.

Embora façamos uso apenas de um talher nessa opção, ainda sim tem como servir iguarias muito sofisticadas, logo, é preciso somente modificar o modo como se apresenta o prato. O menu degustação é moderno e informal.

À inglesa

Buffet Jantar a Inglesa
Buffet à Inglesa

Comumente denominado de  “empratado”, lembra muito o famoso “À La Carte”, que muitos restaurantes costumam servir, este estilo já possui um cardápio definido.

Aqui, o anfitrião deve analisar o que será escolhido e servido como o prato principal, afinal será somente uma opção de jantar que os convidados terão.

Se for possível manter a  Tradição Italiana, e o anfitrião conseguir oferecer um primeiro e segundo prato, também chamado de  “Primo Piatto e Secondo Piatto”, os mesmos conseguirão conquistar a maioria dos convidados, e ainda colocar em uma das opções o prato quente.

Para conseguir conquistar todo mundo, você deve escolher um prato comum para o gosto de todos. Assim, não só a reunião estará mais agradável, mas também a visão dos pratos perante os convidados.

Caso você convidar um bom número de pessoas, você deve pensar em um serviço ágil e que atenda bem seus convidados, tanto na parte de servir como na alimentação preparada pelo buffet.

Por conta disso, esse modelo é conhecido como o clássico das festas de casamento. Mas, é importante lembrar, que você deve zelar pelo conforto de seus convidados, já que neste modelo especificamente, lounges e mesas bistrôs, não irão auxiliar no decorrer  do jantar.

À francesa

Buffet a francesa casamento
Elegante Buffet à Francessa

Este estilo é conhecido no mundo todo, por ser tradicional e detalhista, o jantar à francesa, exige que o garçom faça um trabalho exemplar e que atenda bem os convidados.

No serviço à francesa, o garçom deve servir na bandeja, os pratos e os convidados então podem se servir conforme a quantidade que desejarem.

A Monarquia Francesa, utilizou este modelo de jantar por muito tempo, não somente os garçons, mas também os convidados devem saber se servir nesse modelo de jantar.

Nos dias atuais, grande parte dos buffets não oferecem mais este tipo de serviço, devido a complexidade de sua execução.

E quais os cuidados devemos ter quando contratamos um buffet?

Agora que você já sabe quais os tipos de buffet para casamento, se você quer uma boa festa, você deve ter alguns cuidados, confira:

●     Peça referências;

●     Compare preços;

●     Análise o histórico;

●     Não compre por impulso;

Praia do Peró recebe certificação internacional Bandeira Azul

Praia do Peró recebe certificação internacional Bandeira Azul

A busca por locais que reúnem características únicas é uma tendência das famílias modernas, que têm o intuito de passar momentos especiais com pessoas queridas.

Como principais opções, tem-se os espaços naturais, os quais mantém sua originalidade com os elementos da fauna e da flora local.

Nesse âmbito, a Praia do Peró, localizada na cidade de Cabo Frio (Rio de Janeiro) apresenta-se como uma excelente opção para quem deseja ter esses momentos especiais em família, marcada pela presença da natureza. Possui 7,2 km de extensão, ostentando um rico ecossistema, por ser frequentada por espécies endêmicas (nativas da região).

Com temperaturas que dificilmente ultrapassam a casa dos 30 ºC, mesmo no verão, a região se localiza a 8 km do centro, e abriga dunas de areia branca e fina, constituindo um visual maravilhoso para que uma experiência incrível possa ocorrer.

Além disso, a Praia do Peró configura-se como o maior nicho de Pau-Brasil do estado do Rio de Janeiro, tendo apenas 1 km de extensão urbanizada e totalmente pavimentada.

É classificada como uma Área de Proteção Ambiental, sendo parte integrante do Parque Estadual da Costa do Sol.

Por ostentar águas cristalinas e ser considerada a praia mais limpa da Região dos Lagos, segundo o Inea (Instituto Estadual do Ambiente), a Praia do Peró recebeu, em setembro de 2018, o título Bandeira Azul, o certificado internacional de controle de qualidade de praias, marinas e embarcações.

O Programa Bandeira Azul

Esse título foi criado em 1987, através da iniciativa da União Europeia (UE) de certificar os melhores locais marinhos administrados pelo ser humano.

Em 2001, deixou de avaliar apenas praias europeias, e foi expandido para o mundo. No Brasil, o programa foi iniciado apenas em 2004.

Assim, a Bandeira Azul, hoje, é atribuída anualmente pela Fundação para a Educação Ambiental (FEE), sendo operada, no Brasil, pelo Instituto Ambientes em Rede (IAR), com sede em Florianópolis, Santa Catarina.

Podem receber o título embarcações, praias e marinas que satisfazem uma série de requisitos para controle da qualidade ambiental, dentre eles:

A segurança, fator indispensável para um bom aproveitamento das praias, tanto no sentido de evitar roubos e furtos, quanto na manutenção da integridade física de banhistas e surfistas.

O bem-estar, proporcionado pela ótima experiência e existência de infraestruturas de apoio, como salva-vidas preparados e bem distribuídos ao longo de praias e marinas.

A qualidade da água, comprovada pela ausência de lixo e outros dejetos, bem como a característica cristalina que as águas da Praia do Peró possuem.

A informação e educação ambiental, uma qualidade marcante na comunidade do bairro do Peró, o que possibilita a conservação do meio ambiente local.

Com tais requisitos atendidos, a praia é aprovada a nível nacional por um júri especializado, podendo ser indicada para um júri internacional, composto por profissionais da Fundação para a Educação Ambiental e de um representante da Comissão Europeia.

Para que uma praia receba o título da Bandeira Azul, portanto, existe um procedimento específico para adesão.

Esse documento aponta como sendo responsabilidade do município a candidatura da praia, devendo ser assinada pelo prefeito.

Para que seja aprovada, porém, necessita de um esforço conjunto de todos os envolvidos na localidade, desde os moradores, as empresas, a comunidade, até as ONGs existentes na cidade.

Após a solicitação feita, é realizada uma visita técnica pelo Instituto Ambientes em Rede, que visa à verificação dos critérios exigidos.

Assim, a praia, ou marina, é avaliada sobre a possibilidade de iniciar a fase piloto.

Quando ela atende aos requisitos mínimos, esta é iniciada. Com isso, a localidade tem um período de 2 anos para se adequar a todos os critérios exigidos, podendo ter o tempo reduzido caso cumpra os requisitos com antecedência.

Embora os critérios tenham se tornado ainda mais exigentes, a Praia do Peró obteve êxito nessa empreitada, a qual, junto com apenas outras 8 praias e 5 marinas brasileiras – localizadas nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Bahia -, possui o certificado Bandeira Azul.

E é nesse local que está localizado o Espaço Âncora.  

O Espaço Âncora

Com uma área de 250 m² e capacidade para até 200 pessoas sentadas, possui uma linda vista da Praia do Peró.

Dessa maneira, o Espaço Âncora pode ser utilizado tanto de dia como de noite, para almoços, jantares, reuniões empresariais e familiares, aniversários e principalmente casamentos.  

Para tanto, apresenta uma área coberta, com um ambiente agradável e tranquilo, por ser localizada longe de grandes centros urbanos.

O Espaço Âncora dispõe de dois ambientes, sendo o externo uma zona ajardinada, um bar, uma pista de dança e uma cozinha industrial, para realização de buffets, bem como o estacionamento.  

Aliando o serviço diferenciado com o selo de qualidade da praia na qual se encontra, o Espaço Âncora é ideal para eventos importantes na vida de quem procura por momentos únicos.

A opção por esse local já foi feita por diversas pessoas que procuraram experiências originais, sempre o qualificando com um índice de aprovação muito próximo do máximo.

Assim, com o certificado Bandeira Azul, o espaço para eventos é ainda mais indicado para qualquer comemoração, pois une o cuidado com o meio ambiente e as belezas naturais para conceber um lugar único, que certamente deixará a sua marca na vida do cliente.


Pin It on Pinterest

WhatsApp Use o WhatsApp!